Frete grátis para compras acima de R$450,00!
  • FRETE GRÁTIS | COMPRAS ACIMA DE R$450,00
  • PRIVACIDADE GARANTIDA
  • FATURA E ENTREGA DISCRETAS
  • 100% SEGURO
  • FEITO NOS EUA | A PRONTA-ENTREGA NO BRASIL

Estudo aponta que as mulheres brasileiras preferem uma boa noite de sono a fazer sexo.

Estudo sobre o comportamento sexual dos brasileiros.

Uma pesquisa realizada em São Paulo, pelo Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da USP, após entrevistas com mais de 3 mil pessoas entre os 18 e 70 anos de idade, constatou que as mulheres brasileiras preferem uma noite de sono de qualidade ao sexo. Segundo os dados da pesquisa, os homens responderam que preferem fazer sexo ao menos 1 vez por dia, enquanto as mulheres afirmaram que preferem fazer sexo numa menor quantidade de vezes, e aproveitar o tempo remanescente para dormir com qualidade. Para elas, uma noite de sono de qualidade é mais importante que atender ao seu desejo sexual.

A pesquisa ainda revelou outros dados interessantes sobre o comportamento sexual dos brasileiros. Os homens responderam que seus maiores receios durante o ato sexual são: de não conseguir atingir às expectativas de suas parceiras, seguido pelo medo de contrair alguma DST, depois, o medo de não conseguir obter uma ereção (medo de brochar), e por fim, eles temem engravidar suas parceiras. Já as mulheres pensam que contrair uma DST é motivo primário de receio, depois, o medo de não conseguir satisfazer os seus parceiros, e por fim, o medo de engravidar.

Durante toda a vida sexualmente ativa dos entrevistados, eles revelaram ter apenas 3 parceiros sexuais importantes. Já com relação ao número de parceiros sexuais corriqueiros durante o último ano, em média, os homens tiveram duas, enquanto as mulheres apenas um. As respostas sobre a idade da primeira relação sexual para ambos os sexos, revelou que os brasileiros entrevistados perderam a virgindade, em média, aos 17 anos. Uma informação preocupante que a pesquisa levantou, é que o uso do preservativo diminui com o aumento da idade, e por consequência a vulnerabilidade para contração de DSTs. Por fim, concordando quase unanimamente, mais de 90% dos entrevistados responderam que o sexo é importante para a harmonia do casal.

mulheres-preferem-uma-boa-noite-de-sono-ao-sexo

mulheres-preferem-dormi-ao-sexo